top of page

Um vagão chamado VIDA!

Atualizado: 6 de mai. de 2018



A vida é como um trem! Ao nascer, você entra em um vagão, onde a maioria das pessoas presentes são chamadas de parentes ou amigos. Conforme o trem vai seguindo seu percurso, algumas pessoas saem e outras entram... Parentes, amigos, colegas de escola, colegas de trabalho, vizinhos, companheiros amorosos, filhos, netos...


Algumas pessoas saem temporariamente, pra retornar em outro momento da viagem; e, outras, saem definitivamente, deixando apenas lembranças e sentimentos relativos ao tempo em que estiveram presentes. Além disso, algumas vêm para ficar, outras chegam porque estão perdidas, mas logo encontrarão o seu caminho, enquanto outras vêm apenas com o intuito de ensinar uma lição.


No meio de todo esse embarque e desembarque, você vai vivendo sem saber em qual estação irá descer. Sua viagem nesse vagão chamado VIDA pode ser muito curta ou muito longa. Também pode acabar no meio do trajeto. De qualquer forma, as despedidas são inevitáveis, assim como as brigas, discussões, divergências e mal-entendidos... Mas, felizmente, também são inevitáveis os sorrisos, as boas conversas, os amores, as paixões e os prazeres...


É assim! Sem saber quanto tempo ou quilômetros pela frente você tem e quanto tempo aqueles que você ama permanecerão ao seu lado, resta aproveitar ao máximo a companhia de cada um deles. Sorria, abrace, beije, cante, dance, curta cada instante como se fosse o último e demonstre sempre o que sente. Quando alguém precisar descer, permita e, nem por um segundo, pense em abandonar o seu vagão. Você é responsável por ele e, se descer ou saltar, tudo acaba! Todas as histórias, todas as memórias e todo o belo futuro que você tem pela frente.


Então, quando alguém se for, se acalme e tenha a certeza de que, logo logo, o lugar da ausência e da saudade serão preenchidos por memórias e bons sentimentos. Além disso, um novo passageiro certamente chegará. É inevitável! "Não se pode haver assentos vazios!", diz o "maquinista". Pode ser uma criança, um adulto ou um idoso... Um filho, um neto, um companheiro, um amigo, uma pessoa que te lembre alguém querido... Enfim, alguém novo sempre chegará!


E é assim que essa jornada acontece! Cuide bem do seu vagão, aqui chamado de VIDA, viva intensamente o momento presente e esteja preparado para perder e ganhar passageiros a cada nova estação. Sem apegos, entendendo como as coisas acontecem e administrando o seu vagão com amor, paciência, tolerância e gratidão, tudo será mais fácil e bonito. E, se o trecho atual não te agrada, tenha calma! Ali na frente, uma nova estação te espera e ela certamente te trará novas experiências, histórias e oportunidades! Vale a pena aguardar!

Comments


bottom of page